Tag Archives: velhos

[momento lexotan] o dedo na ferida

Ontem, no telejornal. O dedo na ferida. Famílias que não levam os doentes quando eles têm alta. Famílias que os trazem ao hospital quando eles não precisam. Famílias que pressionam os médicos para os internar. Tudo isto no natal, a festa da família. Da família que se mexe e fala. Da família que não se queixa e geme. Os outros, os velhos, que passem o natal com os médicos e enfermeiros, famílias adoptivas.

Anúncios

5 comentários

Filed under momento lexotan

[momento lexotan] uma boa noite para todos, principalmente aqui

As noites da urgência interna são enfeitiçadas por gemidos de velhos idosos que preenchem o silêncio. Os gemidos dos velhos idosos são interrompidos por gritos de outros velhos idosos que insistem em chamar pela mãe, pela polícia (oh da guarda!) pelas mulheres que são tão velhas como eles. E depois um shhhh irritado do vizinho do lado que é 20 anos mais novo do que o gritador e não grita (a não ser que esteja em abstinência alcoólica, aí grita e tenta partir as grades da cama), e que amanhã me vai pedir para ter alta que não aguenta mais isto, pela minha saúde. É certinho.

Nas noites da urgência interna faz-se uma reza ao telefone para não tocar, e se tocar que não se ouça a palavra/grito reanimação lançado a uns ouvidos (os meus) ainda adormecidos. A uns pés (os meus) descalços que teimam em não encontrar os sapatos. A uns olhos (os meus) que nem conseguem destinguir a sombra da porta do quarto. 

Hoje estou de urgência interna.

2 comentários

Filed under momento lexotan